Liturgia Diária 27/12/16

Liturgia Diária 27/12/16 (Terça) – João 20, 2-8.

Bom dia. REFLEXÃO DE JAILSON FERREIRA.

“Eu costumo dizer que quando alguém fala ou escreve sobre outra pessoa, acaba revelando mais sobre si mesmo do que sobre a pessoa de quem fala ou escreve. Assim é com São João Zebedeu (o Evangelista). Hoje é o dia dele, e a Liturgia escolhida para refletirmos é a que narra o momento em que ele e Pedro descobrem que Jesus não estava mais no túmulo.

É interessante observar que João não costuma citar seu próprio nome nas suas narrações, mas o seu título de “discípulo amado”.

O que podemos concluir disso?

Que João se sentia, de fato, mais amado por Jesus que os outros.

Mas será que os outros também não se achavam mais amados que os demais?

Ou ao menos, amados compativelmente a abertura que eles davam ao amor de Jesus?

O que eu quero dizer nessa primeira parte da reflexão é que nós sentimos o amor de Jesus de acordo com a abertura que nós damos ao amor d’Ele por nós. João era o discípulo mais aberto ao amor, talvez fosse o mais carente, já que era o mais jovem… E Jesus não o deixou desamparado: “Mulher, eis aí teu filho. Filho, eis aí tua mãe.”

O outro ponto que gostaria de frisar na reflexão de hoje é a última frase: “Ele viu e acreditou”.

Acreditou em quê?

Afinal, Maria Madalena havia dito que não sabia para onde haviam levado o corpo do Senhor. O estilo de narrar de São João não deixava tudo bem explicado, como São Lucas, por exemplo. Quando São João diz que “viu e acreditou” naquele momento, nós deduzimos que ele viu o túmulo vazio e acreditou na Ressurreição de Jesus. E isso nos leva a uma conclusão óbvia: ele e os outros apóstolos, mais do que não acreditar, não entendiam o que Jesus havia falado e repetido várias vezes sobre a Ressurreição.

Provavelmente, este foi o momento em que João teve aquele “estalo”!

O momento em que “apareceu aquela lâmpada acesa em cima de sua cabeça”, e ele percebeu como tinha sido burro e incrédulo, de não ter entendido e acreditado antes naquilo que Jesus já vinha falando há tanto tempo de forma tão clara!

Mas ele entendeu e acreditou!

E você?

Acredita mesmo que Jesus ressuscitou, subiu aos céus e está sentado à direita de Deus Pai, onde há de julgar os vivos e os mortos?

Ou só repete isso, sem pensar no que está dizendo?

O nosso cristianismo só existe até hoje porque pessoas sérias acreditaram nisso a tal ponto que preferiram morrer a negar essa crença. E nós só conseguiremos trazer mais pessoas se acreditarmos que Jesus ressuscitou e nós também iremos ressuscitar um dia…”

slide1 slide2 slide3 slide4 slide5 slide6 slide7 slide8 slide9

Anúncios
Esse post foi publicado em Religião. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s