Liturgia Diária 10/02/17

Liturgia Diária 10/02/17 (Sexta) – Marcos 7, 31-37.

Bom dia. REFLEXÃO PESSOAL e INSPIRADA NA DO PE. ROGER ARAÚJO

Veja que esse homem é surdo, mas fala, e fala com dificuldade. A primeira coisa que ele quer é escutar, até porque, para alguém falar bem, precisa primeiro saber escutar bem. Quem não escuta bem também não fala bem. Mas, cuidado, não nos prendamos apenas no campo físico, nos apegando ao “pé da letra” ao ditado: “Quem tem boca vai à Roma”, pois, se desejamos realmente chegar a algum lugar, é evidente que devemos perguntar, mas é essencial que saibamos escutar, pois, senão, podemos trilhar caminhos que nos afastarão de Roma, ou no nosso caso, nos afastarão do Amor e da Paz de Deus.

As deficiências que todos nós temos em falar, muitas vezes, é uma deficiência primeiro em saber escutar, pois só aprendemos a falar um dia, porque escutamos. A criança pequena, por exemplo, vai aprender a falar, porque vai escutando, escutando e escutando, e aquilo que ela escuta vai repetindo, repetindo e, daqui a pouco, ela fala.

Queremos falar bem, mas não me refiro a saber falar “bem” a ponto de fazer bom discurso, ter a arte da oratória nem uma semântica mais correta, mas é falar o que convém, falar o que edifica. Temos um outro ditado popular, que diz assim: “Falar é fácil, até papagaio fala, difícil é viver o que se fala”. Nós, não podemos por exemplo, falar de Deus se não temos a capacidade de ouvi-Lo; não podemos falar das coisas de Deus se não nos dedicamos a escutar as coisas d’Ele; não vamos ser voz de Deus se não temos ouvidos também voltados para Ele.

Não sei o que deixou esse homem da Palavra nessa dificuldade da surdez e da fala. Ele precisava agora que Jesus fizesse algo por ele. Por isso, o Senhor, primeiro colocou os dedos nos seus ouvidos, e depois cuspiu e com a saliva tocou-lhe à língua. Jesus tocou primeiro os ouvidos daquele homem, pois para sermos um pouco íntimos de Jesus, precisamos saber ouvi-lo, para que depois, possamos falar sobre Ele e sua Boa Nova.

Meus irmãos e minha irmãs, olhem que Beleza, olhem que Maravilha estes gestos de Jesus. Mas alguém pode me perguntar: como assim, belo e maravilhoso gesto de Jesus colocar o dedo no ouvido e depois com a sua saliva tocar na língua daquele homem?

Bem, talvez você não tenha entendido a total dimensão desses gestos de Jesus. Observem, a saliva é algo muito íntimo, é algo que é só seu, algo que está dentro de você, a sua saliva é intimidade. Dizem os entendidos do amor humano, que a saliva trocada em um beijo por um casal, é a maior intimidade que um homem e uma mulher podem ter entre si, até mais do que o próprio ato sexual. A saliva é um fluido de muito valor. Digamos que ela nos dá a vida. Ela faz toda a diferença principalmente quando passamos por situações de estresse, ansiedade ou em outros momentos que chegamos a dizer: “estou com a boca seca”, ou “me deu água na boca”. Ou será que nunca aconteceu isso com você? Você alguma vez se lembra de ter passado por isso, não é mesmo? Quem controla todos os nossos impulsos no nosso corpo é o sistema nervoso, que lida inclusive com a produção salivar e a liberação dos hormônios do prazer durante as relações amorosas e afetuosas, como norepinefrina e dopamina. O homem pode, inclusive, excitar a mulher por meio do beijo. Isso porque a tão famosa testosterona, um dos hormônios masculinos, é passada por meio da saliva.

Já no caso de Jesus, o sentido não tem uma conotação física e sexual, por assim dizer, não, nesse caso Ele está tirando do Seu íntimo, daquilo que é mais profundo do Seu ser, da Sua própria saliva, para tocar na língua daquele homem. Conseguem compreender agora onde está a beleza e a maravilha deste gesto?

Esses gestos, são os toques de Jesus, a Palavra de Cristo, “Efatá”.

E o Efatá de Jesus quer dizer “abra os ouvidos”, “abra a boca”. E aqueles ouvidos e a língua foram tocados e eles se abriram.

Jesus quer primeiro, que sejamos íntimos Dele, que haja uma ligação profunda entre nós e Ele. Não podemos ficar apenas no superficial, temos que ter a graça de estarmos ligado a Cristo, mas para que isso aconteça, é necessário que a intimidade de Jesus, entre em contato com aquilo que nos coloca primeiro em contato com a Sua Palavra, que é o nosso ouvir.

Esse homem só não tinha ouvido falar de Jesus, mas, agora, ele podia tocar a intimidade do Senhor, porque a intimidade d’Ele cura. Busque ser uma pessoa íntima de Jesus, busque estar próximo d’Ele. Precisamos verdadeiramente ouvir o que Cristo quer nos falar, não devemos apenas escutar, mas ouvir, compreender, viver e agir.

A intimidade de Jesus é reservada para aqueles que buscam por Ele com toda a sinceridade e verdade de coração. Nós precisamos tocar na intimidade de Jesus, para que Ele toque em toda a nossa intimidade, intimidade escondida ou guardada, que precisa ser curada, transformada, renovada; e a presença de Jesus toca em toda a nossa intimidade, vai abrindo em nós o que está fechado, o que está escondido, o que está nos tornando surdos para não ouvirmos a voz de Deus. Ele quer nos dizer “Efatá”, abra a mente, abra o coração e os ouvidos, se abra principalmente à sua conversão.

O toque íntimo de Jesus, quando toca nossos ouvidos e nossa língua, toca também nosso coração, e nós nos abrimos para a graça. Foi isso, então, que aconteceu com esse homem, porque ele foi tocado, foi curado, renovado pela intimidade de Jesus. Que nós sejamos tocados por essa mesma intimidade, para que todo o nosso ser seja renovado pela presença do Senhor.

Nós precisamos primeiramente ouvir o que o Senhor tem a nos dizer, para que possamos compreender e vivenciar o que Ele nos pede, e com esse entendimento, poderemos começar a falar e a agir conforme aquilo que Ele nos pede.

E para terminar, gostaria de colocar um pequeno texto que fomos agraciados por Santo Agostinho, onde que ele nos fala, não da cura em si, mas da fé que devemos ter naquele que nos cura:

“ Deus cura todas as tuas enfermidades” (Sl 103, 3). Não temas, todas as doenças serão curadas. Dirás que são grandes; mas o Médico é maior. Para um Médico todo-poderoso não há doenças incuráveis. Deixa apenas que Ele te trate, não rejeites a sua mão; Ele sabe o que tem a fazer. Não te alegres apenas quando Ele age com suavidade, aceita-O quando corta. Aceita a dor do remédio, pensando na saúde que te vai trazer.

Vede, meus irmãos, tudo o que os homens, nas suas doenças, aguentam para prolongar a vida mais alguns dias.… Tu, ao menos, não sofrerás por um resultado duvidoso: Aquele que te prometeu a saúde não Se pode enganar.

Porque é que os médicos às vezes se enganam? Porque não foram eles que criaram o corpo que tratam. Mas Deus fez o teu corpo, Deus fez a tua alma. Ele sabe recriar o que criou; sabe reformar o que formou. Só tens de te abandonar às suas mãos de médico.…

Suporta, portanto, essas mãos e repita o que o Sl 103, 2-3 nos diz: “bendiz, ó minha alma, ó Senhor, e não esqueças nenhum dos seus benefícios. É Ele quem perdoa as tuas culpas e cura todas as tuas enfermidades”.

Aquele, que é Deus, que te concebeu para que nunca estivesses doente, se tivesses querido guardar os seus preceitos, não te curará?

Aquele, que é Deus, que fez os anjos e que, ao recriar-te, te fará igual a eles, não te curará?

Aquele, que é Deus, que fez o céu e a terra, Ele, que te fez à sua imagem, não te curará?

Curar-te-á, mas para isso tens de consentir em ser curado. Ele cura de modo perfeito todos os doentes, mas só se eles quiserem.… A tua saúde é Cristo.”

Lembremo-nos, devemos sim ir em busca de médicos e remédios, mas quando o formos, devemos levar junto, o Cristo nosso Senhor, pois Ele é o Médico dos Médicos, e é com a sua ajuda, que poderemos ouvir, falar, e sermos curados de todas as nossas enfermidades, sendo físicas, psíquicas e espirituais, pois, Jesus nos quer sãos, para falarmos e sermos exemplos dos milagres que Ele realiza em nós.

Deus abençoe você! FIQUE NA PAZ DE JESUS!

Um abraço fraterno, e que tenhamos um abençoado dia na graça do Senhor.

Humildemente, seu irmão na Fé, Flávio Eduardo.

slide1 slide2 slide3 slide4 slide5 slide6 slide7 slide8 slide9

Anúncios
Esse post foi publicado em Religião. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s